Projéteis HE Retrabalhados: Como Usar Seus Pontos Fortes

Saudações, comandante!

Após uma série de testes no servidor Sandbox e nos Testes Comuns, os retrabalhados projéteis HE serão introduzidos ao jogo na Atualização 1.13. Sua mecânica de provocar danos está prestes a mudar, então vamos dar uma olhada em como os novos projéteis HE funcionarão mais uma vez. Também queremos dar uma olhada mais de perto em alguns exemplos de jogabilidade impressionantes para demonstrar como o World of Tanks mudará e dar algumas dicas para usar os retrabalhados projéteis HE.

CONTEÚDO

    Principais Objetivos do Reequilíbrio dos Projéteis HE

    Ao iniciar o complexo retrabalho de projéteis HE, queríamos mudar sua mecânica de provocar danos nas seguintes situações:

    • Provocar grandes danos frontais a veículos bem blindados. Isso é especialmente frustrante para os jogadores que estão em veículos com boa blindagem e não podem dar o máximo de seus veículos.
    • Falta de demanda por projéteis HE para canhões de calibres medianos e baixos devido ao seu potencial imprevisível de provocar danos. A natureza imprevisível do dano provocado por HE nesses calibres significa que os projéteis HE dificilmente são usados.
    • Alguns outros aspectos irrealistas ou frustrantes da mecânica anterior. Por exemplo, um projétil HE disparado contra a cúpula do comandante pode colocar fogo no motor do veículo inimigo.

    Ao mesmo tempo, queríamos manter todas as coisas que você adora nos projéteis HE, incluindo:

    • Jogabilidade emocionante e divertida.
    • Fácil de usar.
    • Alta chance de provocar danos.

    Veja como a nova mecânica de danos vai funcionar.

    Projéteis HE: Mudanças na Mecânica de Dano

    1. Os projéteis HE agora causam dano no ponto de impacto.

    Após a penetração da blindagem inimiga, nada mudará — se um projétil entrar no veículo, você ainda vai poder provocar muitos danos. Mas se o seu valor de penetração não for alto o suficiente, o dano será calculado no ponto de contato com a blindagem. Ao mesmo tempo, após a explosão, pequenos estilhaços se espalharão no interior do veículo, ferindo tripulantes e provocando danos aos módulos, bem como à própria blindagem. O raio de fragmentação será o mesmo que o raio de explosão do projétil no sistema anterior.

    Ao usar os projéteis HE, lembre-se de que se o projétil atingir a blindagem, ele vai provocar dano. A quantidade dependerá da espessura da blindagem no ponto de impacto — quanto mais fina a blindagem, menor será seu valor nominal e maior será o dano. E vice-versa — quanto mais espessa for a blindagem no ponto de impacto, menos danos o projétil vai provocar se não penetrar.

    Assim como ao usar projéteis penetrantes (AP), você deve mirar nas regiões vulneráveis e esperar um bom momento para provocar grandes danos. Como resultado, disparar projéteis HE em áreas bem blindadas de veículos inimigos se tornará menos eficaz — será impossível provocar tantos danos quanto antes.

    2. Os projéteis HE serão capazes de penetrar espaçadas, esteiras e rodas de veículos com rodas no ponto de impacto. Eles também serão capazes de penetrar em objetos insignificantes e/ou destrutíveis (cercas, estruturas destrutíveis, etc.) — esta é uma consequência direta da mudança do modelo de dano do projétil HE da área de influência ao ponto de impacto.

    Quando um projétil HE penetra em uma espaçada, seus valores de penetração diminuem. Consequentemente, as chances de penetrar na blindagem são reduzidas, portanto, quando o projétil atingir a blindagem, ele já estará "enfraquecido", e a penetração só ocorrerá se a blindagem for bastante fina. Se um projétil HE penetra uma espaçada e explode na blindagem, a mecânica de "fragmentação" entra em vigor e é garantido provocar danos. A quantidade de dano dependerá da espessura da placa de blindagem na qual o projétil HE explodiu.

    Em comparação com a versão anterior da mecânica de danos que estava disponível antes da Atualização 1.13, adicionamos a capacidade de penetrar em espaçadas, módulos externos e objetos destrutíveis. No entanto, após a penetração, o valor de penetração dos projéteis HE será reduzido por um coeficiente especial.

    Haverá dois coeficientes diferentes de perda de penetração: 1,0 para objetos destrutíveis e 3,0 para espaçadas, esteiras, rodas e módulos externos. Isso significa que, por exemplo, após penetrar em uma espaçada com 20 mm de blindagem, o projétil HE perde 60 mm de penetração, e a próxima tentativa de penetrar na blindagem de um veículo será calculada considerando este valor reduzido.

    Como resultado, a probabilidade de penetrar na blindagem principal após penetrar na espaçada vai diminuir muito, especialmente para veículos com blindagem lateral fraca. A probabilidade de sofrer grandes danos de HE quando seu veículo é penetrado com um projétil de HE também será menor.

    Se um projétil HE não penetra em uma espaçada e, portanto, não atinge a blindagem, não vai provocar nenhum dano. Para disparar projéteis HE de maneira eficaz através de espaçadas, você precisará considerar a espessura e inclinação delas.

    Se um projétil HE penetrar nas esteiras, espaçadas e rodas, mas não houver blindagem atrás deles, nenhum dano será causado. Se tiver blindagem, ele vai causar danos.

    Retrabalhados Projéteis HE: Dicas de Jogabilidade

    Agora vamos ver como a nova mecânica funcionará, com alguns exemplos de jogabilidade.

    Vamos imaginar que existem dois pesados em um duelo — o M103 e o 60TP Lewandowskiego, equipado com canhão de 150+ mm. O brawler polonês carrega um projétil HE e atira na frente do oponente sem mirar. O projétil atinge o mantelete do canhão do M103, que é uma espaçada com blindagem muito espessa. Devido aos valores de penetração insuficientes, o projétil não penetra e não causa nenhum dano.

    Em vez disso, deveria ter disparado contra as áreas vulneráveis do oponente e não na silhueta. Para causar danos significativos com projéteis HE em situações onde você só pode atirar em uma área bem blindada, você precisa gastar muito mais tempo e projéteis. Nesse caso, às vezes será mais sensato alterar o tipo de projétil ou escolher uma tática diferente.

    Veículos bem blindados podem reduzir o dano que recebem dos projéteis HE, expondo áreas mais espessas da blindagem. Na verdade, você deve seguir as mesmas táticas quando está lidando com projéteis penetrantes.

    Ao enfrentar veículos fortemente blindados, tente atirar em áreas vulneráveis para ter a chance de causar danos. Para fazer isso, alguma preparação é necessária. Considere a nova mecânica ao planejar ações táticas, ou ao escolher uma direção de ataque ou um local para brigar com os oponentes.

    Outro exemplo ilustrativo:

    A FV4005 Stage II dispara um projétil HE na lateral da bochecha do Maus (que tem 260 mm de espessura). O projétil atinge a blindagem, mas devido a um valor de penetração insuficiente, não penetra na blindagem. Em vez disso, o projétil explode na superfície. A fragmentação é criada dentro do veículo, causando danos ao Maus, mas o valor é visivelmente menor (250–350 pontos de vida) do que era com a mecânica anterior.

    Agora você também precisa mirar cuidadosamente nos pontos fracos, não apenas ao atirar em tanques pesados com boa blindagem, mas também em qualquer outro veículo. Não seria sensato disparar um projétil HE aleatoriamente na frente ou no contorno do inimigo. Ao atirar às cegas, você corre o risco de acertar uma área bem blindada ou uma espaçada que você não pode penetrar. Aqui está um exemplo.

    O Type 5 Heavy carrega um projétil HE e quer atingir um veículo com blindagem leve, o Progetto M40 mod. 65, por exemplo. Pensando do jeito antigo e sem considerar as peculiaridades da nova mecânica, ele atira ao acaso na silhueta de seu oponente. Mas o projétil atinge uma espaçada e seus valores de penetração não são suficientes para penetrá-la. Neste caso, o Type 5 Heavy não causará nenhum dano ao Progetto M40 mod. 65.

    Em vez disso, deveria ter aguardado por um momento mais oportuno para atirar nas laterais, nas áreas de blindagem mais fina, ou nas esteiras (se houver blindagem atrás delas), que agora também são considerados uma espaçada. Neste caso, o Type 5 Heavy provavelmente causaria dano máximo (se penetrar na blindagem) ou algum dano (se penetrar nas esteiras e atingir a blindagem).

    Para ajudá-lo a determinar o resultado do seu disparo, melhoramos o indicador de penetração. No modo Sniper, você poderá usar a cor do indicador para prever o resultado do seu disparo:

    • Vermelho: nenhum dano (o projétil não penetrará na espaçada/esteira/roda e não provocará danos)
    • Amarelo: danos serão causados, mas não por completo (o projétil vai penetrar na espaçada/esteira/roda e vai alcançar a blindagem, mas não a perfura)
    • Verde: dano total (o projétil penetrará na espaçada/esteira/roda e perfurará a blindagem).

    Retrabalho dos Projéteis HE: Reequilíbrio de Veículos

    Após todos os testes, considerando os dados recebidos e seu feedback, refinamos as características dos veículos com jogabilidade baseada em HE, que exigia rebalanceamento (o KV-2, Type 5 Heavy e alguns outros tanques) para que se sintam mais confortáveis sob as novas condições. Alguns de seus parâmetros foram melhorados, enquanto outros foram ligeiramente reduzidos. Dê uma olhada.

    VI KV-2
    Tempo de Mira do canhão 152 mm M-10 Gun
    3.8 s (▼ 0.2 s)
    Velocidade de Rotação da torre MT-2
    17 graus/s (▲ 1 grau/s)
    Dispersão durante a rotação da torre MT-2
    0.15 (▼ 0.01 )
    Velocidade de Rotação da suspensão KV-2 mod. 1941
    20 graus/s (▲ 2 graus/s)
    Dispersão durante a rotação e movimento da suspensão KV-2 mod. 1941
    0.26 (▼ 0.02 )
    Potêncida do Motor V-5
    640 hp (▲ 40 hp)
    VI KV-2 (R)
    Tempo de Mira do canhão 152 mm M-10 Gun
    3.8 s (▼ 0.2 s)
    Velocidade de Rotação da torre MT-2
    17 graus/s (▲ 1 grau/s)
    Dispersão durante a rotação da torre MT-2
    0.15 (▼ 0.01 )
    Velocidade de Rotação da suspensão KV-2 mod. 1941
    20 graus/s (▲ 2 graus/s)
    Dispersão durante a rotação e movimento da suspensão KV-2 mod. 1941
    0.26 (▼ 0.02 )
    Potêncida do Motor V-5
    640 hp (▲ 40 hp)
    X XM551 Sheridan
    Dispersão a 100 m do canhão 152 mm Gun-Launcher XM81 (Convencional)
    0.51 m (▼ 0.02 m)
    Dispersão durante a Rotação da Torre AR/AAV XM551 Sheridan com o canhão 152 mm Gun-Launcher XM81 (Convencional)
    0.35 m (▼ 0.05 m)
    IX T49
    Dispersão a 100 m do canhão 152 mm Gun-Launcher XM81 (Convencional)
    0.57 m(▼ 0.03 m)
    Dispersão durante a rotação da torre M551 TEST BED com o canhão 152 mm Gun-Launcher XM81 (Convencional)
    0.35 m (▼ 0.03 m)
    X Type 5 Heavy
    Projétil AP adicionado para o canhão 15 cm/45 41st Year Type Gun
    252 mm
    Dispersão a 100 m do canhão 15 cm/45 41st Year Type Gun
    0.47 m (▼ 0.03 m)
    Dispersão a 100 m do canhão 14 cm/50 3rd Year Type Gun
    0.38 m (▼ 0.02 m)
    IX Type 4 Heavy
    Projétil AP adicionado para o canhão 15 cm/45 41st Year Type Gun
    252 mm
    Dispersão a 100 m do canhão 15 cm/45 41st Year Type Gun
    0.49 m (▼ 0.03 m)
    Dispersão a 100 m do canhão 14 cm/50 3rd Year Type Gun
    0.4 m (▼ 0.02 m)
       
    VI
    KV-2
    VI
    КV-2 (R)
    X
    XM551 Sheridan
    IX
    T49
    X
    Type 5 Heavy
    IX
    Type 4 Heavy

    Os resultados do teste também indicam que os veículos com rodas demonstraram alta eficácia de combate no novo sistema. Eles apresentam velocidade, agilidade e um dos melhores valores de estabilização de canhão do jogo. Para equilibrar melhor esses batedores velozes, reduzimos a penetração dos projéteis HE dos três veículos de nível alto (VIII–X) da Árvore Tecnológica. Para o Panhard AML Lynx 6x6 e o Panhard EBR 90, foi reduzida de 90 para 75 mm, para o Panhard EBR 105 — de 105 para 75 mm. Também aumentamos a dispersão desses canhões

    VIII
     
    PANHARD AML LYNX 6X6
    Penetração do projétil HE de 90 mm
    75 mm (▼15 mm)
    IX
     
    PANHARD EBR 90
    Penetração do projétil HE de 90 mm
    75 mm (▼15 mm)
    X
     
    PANHARD EBR 105
    Penetração do projétil HE de 105 mm
    75 mm (▼30 mm)

    Existem outros veículos com canhões HE no World of Tanks. Mas depois de todos os testes no Sandbox que concluímos junto com você, vemos que a eficácia deles não mudou, portanto, não há necessidade urgente de ajustar suas características. Continuaremos monitorando sua eficácia após o lançamento e, se necessário, faremos alterações em seu desempenho.

    Jogabilidade Sob Novas Condições

    No novo sistema, os projéteis HE são os mais adequados para a função de projéteis táticos nas seguintes situações:

    • Se você quer resetar uma captura de base.
    • Para destruir a esteira de um inimigo*.
    • Para acabar com os veículos com pouco HP.

    Cuidado, será um pouco mais difícil agora porque você precisa mirar na roda motriz para fazer isso!

    Graças à nova mecânica, fará mais sentido usar projéteis HE em certos canhões (especialmente os de médio e baixo calibre) do que antes.

    Claro, você pode continuar a usar projéteis HE para atirar sem mirar, mas ao acertar a blindagem, sua eficácia de disparo será menor. E ao atingir as áreas frontais ou bem blindadas, será muito menos efetivo. Como resultado, quando estiver enfrentando veículos com boa blindagem você precisará confiar mais na mecânica de jogo básica, estabelecida e compreensível, em vez de spammar projéteis HE Os comandantes que usam projéteis HE precisarão mirar e focar nas áreas fracas do tanque com o qual estão lutando.

    A forma como o sistema de projéteis HE funcionará a partir de agora significa que você não será capaz de evitar completamente sofrer danos quando for alvejado. No entanto, em ocasiões em que o projétil HE do inimigo atinge uma blindagem espaçada espessa e não consegue penetrar ou penetra em uma espaçada que não tem blindagem alguma atrás, você não receberá nenhum dano.

    Para combater os novos projéteis HE com eficácia, tente expor seções com blindagem espessa, ou espaçadas mais grossas ou mesmo espaçadas que não têm alguma blindagem atrás dela. Por exemplo, você pode assumir uma posição em que o oponente consiga penetrar nas esteiras, mas não acertar a blindagem. Neste caso, os projéteis HE não causarão nenhum dano. Desta maneira, você pode não apenas expor espaçadas e/ou esteiras com segurança, mas também provocar seu oponente a atirar prematuramente.

    Prepare-se para experimentar a batalha com os reformulados projéteis HE, comandantes!

    Fechar