Atenção!
O item de notícias que você está visualizando está no formato antigo do site. Podem haver alguns problemas de representação em algumas versões de navegadores.

Fechar

Clã em Destaque: Força Blindada Brasileira

[-FBB-] Força Blindada Brasileira
Website do Clã

Respeito, companheirismo e espírito de equipe: esse é o lema do -FBB-, um dos Clãs mais influentes do Brasil no Mapa Global. Quer seja em Fortalezas, quer seja lutando por províncias, os membros do -FBB- sempre se apoiam uns aos outros e inspiram os jogadores da comunidade brasileira para serem os melhores tanqueiros que puderem ser.


Conduzimos a entrevista com os seguintes jogadores para aprender mais sobre a Força Blindada Brasileira:

Carvall - Comandante
Zamban - Vice-Comandante
StormByakuya - Vice-Comandante
allantorres - Privado

Pode encontrar a entrevista completa aqui

Como surgiu o Clã?

Carvall - Eu e o Zamban éramos de outro Clã e acabamos saindo por causa de diferenças de pensamento dentro do grupo. No começo nós não queríamos criar um Clã, queríamos ir pra outro Clã já formado, mas ao mesmo tempo queríamos formar uma comunidade, um time legal pra Guerra de Clãs, e acabamos percebendo que havia uma certa dificuldade com relação aos Clãs aceitarem isso  até mesmo por causa da cultura do Clãs na época aqui no Brasil. Assim acabamos decidindo criar o nosso próprio Clã. Naquela época o jogo ainda não era super popular e criamos um grupo no Facebook e acabamos encontrando o Allantorres que tinha um ótimo conhecimento da parte mais burocrática e técnica do jogo e nos apresentou o fórum, os tutoriais etc. Nós aprendemos muito com ele sobre o jogo. E tentamos com isso aproximar um pessoal que não tinha muita ajuda no jogo mas tinha interesse em participar mais ativamente.  E conseguimos montar um grupo de jogadores que queria interagir mais com o jogo. 

Zamban - Nossa ideia original surgiu porque estávamos num Clã onde não conseguíamos evoluir. Tem muito jogador brasileiro por ai, e queríamos reunir um pessoal amigável num mesmo lugar pra montar uma comunidade legal. Essa ideia de comunidade foi o que fez a -FBB-, que começou com 10-15 jogadores e hoje temos por volta de 50! 

Qual a filosofia do Clã?

Carvall – A principal filosofia é a amizade, respeito e companheirismo... Até está lá na introdução da página do Clã, essas são as três coisas básicas de nossa ideologia.

Allantorres – A intenção é unir os jogadores, temos uma carência muito grande de união entre os jogadores brasileiros. Temos muitos Clãs de destaque nos torneios mas a maioria ainda é desunida.  Nosso maior foco é criar a união entre os Clãs brasileiros dentro do servidor. 

Vocês têm alguma batalha que foi marcante na história do grupo?

StormByakuya – Acho que nossa última batalha mais marcante foi a da campanha contra a VILIN.

Zamban – Pois é,  se não me engano, eram bem poucos os jogadores que iam pegar o tanque desta batalha e ai quando ganhamos,  mais jogadores nossos tiveram a oportunidade de conseguí-lo.

Carvall – Acho que eram dois ou três que tinham condições de ganhar e depois da vitória mais sete ou seis entraram na lista pra ganhar o tanque.

Há alguma rivalidade contra outros Clãs brasileiros?

Carvall – Rivalidade não... com o pessoal de casa a gente até evita a criar rivalidade, mesmo porque não queremos criar nenhuma confusão ou problema. Os Clãs brasileiros ainda estão começando a se organizar direito então nosso negócio é sempre tentar ajudar, nunca atrapalhar.

StormByakuya – A disputa que existe é uma disputa saudável, do bem, pra sempre tentar melhorar o Clã.

Zamban – Que eu me lembre nunca atacamos um territorio de Clã brasileiro, né?

Carvall – Se atacamos foi por uma questão diplomática, mas atacar pra ir pra cima e prejudicar, nunca.

O famoso "jeitinho brasileiro" ajuda de alguma forma a levar vantagem contra os times de fora?

Carvall – Ah, com certeza. O brasileiro na hora de improvisar é mestre... na hora mais dificil ele sabe dar um jeito na situação e dar a volta por cima.

Allantorres – Principalmente no nosso caso, temos jogadores de todos os níveis, alguns mais avançados, outros iniciantes, gente que tem poucos tanques de níveis mais altos... e na hora de disputar temos que improvisar com o que temos disponível. A gente vai mudando a estratégia durante a batlha, fazendo das tripas coração.

Zamban – Acredito até que o jeitinho brasileiro é famoso lá fora! Brasileiro tem problemas no país, problemas pessoais, e ainda assim consegue sorrir, dançar.. a maioria é assim. Como comentamos antes, nos evitamos tensão antes da batalha, sempre temos um pessoal divertido e mantemos uma atitude alegre, e isso é um diferencial. Se a situação fica tensa, a gente dá uma brincada, conta alguma piada, pro clima ficar melhor.

Carvall – Coloca apelido no Storm. (risos)

Zamban – Ah, isso é uma tradição!

Como vocês se preparam antes da batalha? Vocês fazem algum treinamento?

Carvall – Treinamento mesmo só quando dá. Às vezes a gente abre uma sala só pra mostrar o funcionamento de algum tanque ou coisa do tipo. Por enquanto nós como um Clã contamos com um time de 20-25 pessoas, então deixamos o pessoal bem solto, não impomos muita coisa. Quando pegamos um mapa onde nunca jogamos, a gente até tenta abrir uma sala pra treinar antes da batalha pra ajudar o pessoal, mas nada assim de muito sério, até mesmo por causa de limitação de tempo, todos nós temos família, emprego, nosso tempo é muito excasso...  muitas vezes o nosso treinamento acaba sendo dentro da Guerra de Clãs mesmo.

Zamban – Realmente, quando pegamos um mapa no qual a gente nunca jogou, nós tentamos abrir uma sala pra treinar um pouco, mas a gente já conhece a maioria deles e já estamos acostumados então fica mais fácil. Senão é na hora mesmo que a gente vê, a Guerra de Clãs é realmente o melhor treinamento.

Carvall – Outra coisa interessante é que os mapas são bem simples, não tem  nada de absurdo, então se um jogador tem uma noção geral de como se comportar num jogo,  noção de como se posicionar, etc, não precisa nem abrir treinamento, a pessoa já sabe o que tem que fazer. Só quando é algo muito importante aí sim rola um treinamento, como quando rola uma campanha ou campeonato, algo mais sério, como o Open League. Mas é isso mesmo, o World of Tanks é um jogo sem complicações, com uma orientação legal, é simples comandar o time.

Zamban – Até porque na hora da Guerra de Clãs você escolhe uma posição inicial dos tanques, e quando você vê o movimento dos times dai vai movendo as peças... Quando você está defendendo, a posição inicial é crucial, e quando você está no mapa e precisa atacar, a gente conversa antes pra ter um plano básico. 

Vocês estão mais focados na Guerra de Clãs... existe algum plano para tentar outros tipos de torneios ou algo maior?

Zamban – Ah sim, nós criamos um time na Liga!

Carvall  - Pois é, chegamos até a Open League! É uma experiência nova pra gente pois o funcionamento da Liga é totalmente diferente da Guerra de Clãs. Estamos conversando bastante com outros jogadores que têm mais experiência na Liga, e vamos tentando avançar devagarinho, e de degrau em degrau a gente vai movendo as peças pro Clã evoluir.

Zamban – Realmente, a gente começou a fazer mais torneios e na Liga agora,  a gente tem um ano e meio de Clã e sempre fomos mais focados na Guerra de Clãs e nas campanhas, mas a gente agora está pensando em tentar algo a mais.

E quanto a jogar nas Fortalezas?

Carvall – É, jogar nas Fortalezas é algo que a gente infelizmente ainda não explorou muito mas gostaria de voltar a fazer, até mesmo porque é bom pro pessoal que ainda não é muito avançado no jogo e serve de referência pra vermos quais tanques o pessoal está usando. Foi como aconteceu na Terceira Campanha, a gente não sabia quais tanques estavam em alta e por isso não jogamos bem... então as Fortalezas funcionam meio que um laboratório ou aquecimento pra quando chegar na hora das campanhas a gente se sair melhor.

Zamban - A gente jogou bastante Fortaleza no início mas não sei porque os brasileiros têm uma ideia errada de que só a Guerra de Clãs importa, que não precisa jogar outras coisas. Pra mim isso é errado, tem muitas outras formas de ganhar Ouro e experiência de jogo e que muitas vezes duram um dia só.

Allantorres - A Guerra de Clãs dá mais visibilidade pro Clã e por isso é mais popular.

Zamban - Pois é, mas eu acho que o pessoal eleva muito a Guerra de Clãs, por isso que sofremos um pouco na campanha com o nível VI e VIII. Usando nível X a gente foi bem pois os jogadores todos têm esses tanques e não seguram os mais baixos, acabam vendendo-os, e por isso em jogos com níveis mais baixos a gente não se deu muito bem . Muitos pensam que só a Guerra de Clãs importa, e precisamos mostrar pro pessoal que as Fortalezas também têm prêmios bons, só precisa investir tempo.

Quais são os requisitos básicos para entrar no Clã?

Carvall - Falar português! (risos) E ter interesse em evoluir no jogo.

Zamban  - Realmente, o importante para nós é o jogador ter vontade de aprender e fazer novos amigos, pois a gente é bem animado e  divertido, adora fazer piada, então o jogador que curte isso vai se dar muito bem!

Carvall -  Um detalhe é que o jogador precisa ter pelo menos um nível X. Se ele tiver pelo menos um nove e estiver trabalhando pra chegar no dez já podemos fazer uma excessão. Se o interessado não tiver um tanque deste nível, ele pode entrar no FBB-A, que é um Clã de acesso que funciona como uma espécie de filtro.

Zamban - O FBB-A é um Clã de acesso onde a gente filtra os jogadores com níveis mais baixos e funciona como uma academia pra eles que ainda estão aprendendo. Pra entrar neste clã o processo é o mesmo, ele tem as mesmas pessoas, e o jogador pode fazer pelotão com o pessoal mais antigo, sendo assim uma forma de aprendizado.

Carvall  - Dos jogadores que a gente tem no FBB, pelos menos uns quinze saíram do FBB-A, a gente transferiu pro FBB assim que eles conseguiram uma boa evolução no jogo .

Zamban - Além do fórum do jogo a gente tem o fórum do clã, lá tem várias dicas pros jogadores. E temos também um grupo no Facebook onde todos podem fazer perguntas. Ou seja, falta de apoio não tem, se o jogador é participativo e tem vontade de aprender e evoluir no jogo, com certeza ele vai conseguir isso e depois entrar no FBB.

Que dicas vocês poderíam dar para os jogadores que estão começando agora?

Carvall - Paciência e foco!

Allantorres - Um bocado de paciência...

Carvall - É preciso paciência pois o World of Tanks não é difícil mas tem muitos detalhes, tem um mecanismo que precisa ser estudado, o jogador precisa aprender a como fazer scout, como se esquivar etc, é um jogo muito tático.

Zamban – Eu acredito que além de tudo isso, o World of Tanks é acima de tudo um jogo coletivo. Muitos novatos entram, não tem Clã e não conhecem ninguém, acabam parando por ai. Se você entra no jogo e já procura por um Clã, você não joga sozinho e se entusiasma mais. É muito importante não jogar apenas sozinho, cada batalha é 15 contra 15, se você está sozinho, sua chance de ganhar é menor e a chance de você ficar bravo quando perde é maior...

Então a melhor dica é tentar fazer amigos e entrar num Clã de acesso, aprender com quem já tem muitas batalhas, ouvir bastante o que os mais experientes estão falando. Essas são as dicas mais importantes e que não deixam você desanimar do jogo. 

Foi muito legal conversar com vocês! Vocês têm alguma mensagem que gostariam de mandar para alguém?

Allantorres - Eu tenho um recado pro Capitão Desastre: o magnowinchester está cobrando autógrafo do server pra ele. (risos)

E queremos agradecer o convite pra essa entrevista, estamos muito felizes e até surpresos pelo convite, e queremos dar um abraço grande a todos os Clãs brasileiros, desejando que muitos deles venham a ter essa mesma chance no futuro.

Zamban – Quero agradecer de coração mesmo a oportunidade, acho que vai ser ótimo pra conhecermos novas pessoas também, o que é muito importante para nós, e principalmente para somarmos nossas forças com outros Clãs do país!

Detalhes do Conflito em Fortaleza

O quê: Conflitos Médios em Fortaleza 
Quem: [-FBB-] e colaboradores da WGA 
Quando: 25 de fevereiro, das 21:00 às 23:00 (hora de Brasília), aproximadamente.
Onde: Servidor East da América do Norte

Se enfrentar nosso Conflito em Destaque, você terá a chance de ganhar prêmios em Ouro!

Se você estiver transmitindo no seu canal Twitch.tv e enviar um link para sua transmissão com a hora a que nos encontrou, todo seu time terá ganhos a dobrar! O link deve ser enviado através de mensagem privada no fórum para DavidBowieRocks até às 14:00 (hora de Brasília) da tarde da sexta-feira seguinte.

A transmissão desse “Clã em Destaque” será feita em nosso canal oficial brasileiro no Twitch somente em português.

Se você tiver questões que gostaría que nós perguntássemos para o [-FBB-] durante a transmissão, poderá deixá-las nos comentários deste artigo ou mesmo no chat do Twitch!

NOTA IMPORTANTE: Para podermos conferir que você estava transmitindo no Twitch, temos de conseguir ver o vídeo arquivado. Por favor, certifique-se de que está arquivando suas transmissões, conferindo suas configurações no Twitch (pré-visualização).

O Ouro ganho neste evento será distribuído até quarta-feira, 4 de março de 2015.

ResultadoSe confrontar
o Clã em Destaque...
Se estiver transmitindo no Twitch
quando confrontar
o Clã em Destaque...
Vitória 500 1 000
Derrota 250 500
Empate 0

 

Fechar